17:01 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    JAS 39 Gripen da Força Aérea sueca

    Ucrânia, Suécia e Finlândia aderirão aos exercícios da OTAN no Mediterrâneo

    © AFP 2017/ PATRIC SODERSTROM / SCANPIX SWEDEN / AFP
    Mundo
    URL curta
    9316

    A OTAN irá realizar em outubro e novembro exercícios militares de grande escala Trident Juncture 2015 no mar Mediterrâneo. A Finlândia, Suécia e até a Ucrânia irão juntar-se a estes treinamentos, maiores da OTAN desde 2002.

    Segundo diz-se no site da Aliança, os exercícios irão principalmente ter lugar na Espanha, Itália e Portugal. Em total neles irão participar 36 mil militares de 30 países, inclusive Estados da OTAN, assim como 7 países-parceiros – Austrália, Áustria, Bósnia e Herzegovina, Finlândia, Suécia e Ucrânia. O objetivo principal das manobrar é treinar combate ao Estado Islâmico, cuja atividade é proibida na Rússia, e às outras organizações terroristas. 

    A “Flotilha Alada de Norrbotten” F21 da Suécia irá enviar seis caças Jas Gripen e 90-100 efetivos do exército, sem tomar em conta técnicos e mecânicos para a manutenção dos caças. O regimento Amf 1 irá enviar fuzileiros navais à fragata holandesa durante os treinamentos.  

    A agência de notícias Yle informa que a Finlândia irá destinar aos treinamentos seis caças Hornet e 150 soldados que apresentam Infantaria, Marinha e Força Aérea. 

    Segundo o chefe do serviço de imprensa do exército da Finlândia coronel Mika Kalliomaa, a decisão de participação da Finlândia foi aprovada no nível político, assim como na direção das Forças da Defesa da Finlândia.

    A Finlândia participa anualmente de treinamentos militares da OTAN. O país escolhe ele mesmo entre os tipos de exercícios mais úteis para ele.

    Tags:
    exercício naval, treinamento, Força Aérea, OTAN, Mar Mediterrâneo, Finlândia, Suécia, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik