15:26 28 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    413
    Nos siga no

    A Alemanha deverá receber entre 650 mil e 750 mil refugiados até o final deste ano, número duas vezes maior do que o inicialmente previsto para o país, segundo informou nesta terça-feira o jornal Handelsblatt, citando fontes do governo.

    Além de ser muito superior às primeiras projeções, que eram de apenas 300 mil, a quantidade de imigrantes que chegarão à Alemanha em 2015 superará também o recorde estabelecido em 1992, quando o país acolheu 438 mil estrangeiros.

    De acordo com a publicação, Síria, Sérvia, Eritreia e Afeganistão deverão dominar as primeiras posições do ranking de Estados que fornecerão o maior número de migrantes neste ano. 

    Assim como outros membros da União Europeia, a Alemanha vem apresentando dificuldades para atender ao crescente fluxo de cidadãos estrangeiros que tentam entrar no bloco, sem a documentação necessária, para escapar de conflitos que se alastram pelo Oriente Médio e pelo Norte da África. Segundo dados do escritório federal de imigração, só no último mês de julho, o país recebeu cerca de 79 mil pedidos de asilo, marca recorde até o momento. 

    Mais:

    Comissário europeu: Mundo enfrenta a pior crise de refugiados desde a II Guerra Mundial
    Em meio à crise, número de refugiados na Grécia sobe 750%
    Número de refugiados e imigrantes chegando à Europa aumentou 80%
    Tags:
    refugiados, conflitos, imigração, União Europeia, Norte da África, Oriente Médio, Afeganistão, Eritreia, Sérvia, Síria, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar