21:26 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Combatentes da Autoproclamada República Popular de Donetsk, em Shirokino

    Kiev denuncia número recorde de ataques rebeldes em Donbass

    © Sputnik / Dan Levy
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia: campo de batalha (285)
    1094
    Nos siga no

    As autoridades da Ucrânia acusaram nesta quinta-feira os separatistas do leste do país de estarem preparando uma grande ofensiva e de realizar um número recorde de ataques contra as posições do exército ucraniano desde o início da trégua instaurada em fevereiro.

    "Houve 153 ataques visando às nossas posições, como no mais forte dos combates", afirmou em comunicado o chefe do Conselho de Segurança e Defesa Nacional, Aleksandr Turchinov, informando que dois soldados foram mortos e outros 10 ficaram feridos nas últimas 24 horas de investidas rebeldes contra as Forças Armadas. 

    "A recolocação de homens e equipamentos próximos à nossa linha de defesa evidencia a preparação, pelo inimigo, de uma ofensiva", acrescentou Turchinov.

    Segundo o chefe do Conselho de Segurança, os bombardeios mais intensos contra as posições do exército se concentraram nas áreas ao redor das ruínas do aeroporto de Donetsk, enquanto, em entrevista à AFP, o porta-voz do Estado-Maior, Vladislav Seleznev, destacou a realização de ataques na localidade de Semiguiria, a 50 km de Donetsk. 

    Apesar das declarações dos representantes de Kiev, os funcionários da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE) que monitoram a situação ucraniana relataram a ocorrência de violações nos últimos dias em ambas as partes do conflito, denunciando que tanto os rebeldes como as forças do governo estariam utilizando armamentos pesados, de 122 e 152 mm, peças que já deveriam ter sido retiradas do campo de batalha.

    "Os observadores (da OSCE) notam um aumento da violência, levando a perdas civis e a destruições de casas e infraestruturas" na região, informou Alexander Hug, chefe-adjunto da missão da OSCE na Ucrânia. 

    Tema:
    Ucrânia: campo de batalha (285)

    Mais:

    Rússia pede investigação sobre presença de neonazistas suecos em Donbass
    Rússia pede diálogo Kiev-Donbass a chanceler ucraniano
    Donetsk alerta para possível nova rodada de hostilidades no sudeste da Ucrânia
    OSCE não viu material blindado russo cruzando fronteira da Ucrânia
    Tags:
    conflitos, cessar-fogo, trégua, AFP, OSCE, Vladislav Seleznev, Alexander Hug, Aleksandr Turchinov, Semiguiria, Kiev, Donetsk, Donbass, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar