16:13 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    031
    Nos siga no

    O Ministério das Relações Exteriores da Espanha negou nesta segunda-feira (10) que a entrada de seus navios em águas territoriais de Gibraltar constitua um incidente diplomático depois de a Comissão Europeia classificar o fato como uma “questão bilateral”.

    "Não há nenhum incidente porque a Espanha reconhece essas águas como seu próprio território", afirmou à RIA Novosti uma fonte do Ministério de Relações Exteriores espanhol.

    No domingo (9), o Ministério das Relações Exteriores do Reino Unido acusou a Espanha de violar repetidamente a sua soberania enviando barcos para águas britânicas em Gibraltar. A Comissão Europeia distanciou-se nesta segunda-feira da disputa sobre a alegada invasão espanhola dizendo que era uma entre as duas nações.

    Os navios espanhóis do Serviço de Vigilância Aduaneira (SVA) do pelotão antidrogas e lavagem de dinheiro entrou repetidamente nas águas britânicas em Gibraltar enquanto perseguia suspeitos de tráfico de drogas. Segundo a fonte, “os navios espanhóis entraram nas águas no âmbito do controle contra ações ilegais, que poderiam ser contrabando ou atividade de pesca não permitida”.

    "Entendemos que os espanhóis estavam em busca de navios que podem estar cometendo crimes. No entanto, é completamente inaceitável e ilegal sob a lei marítima internacional entrar em nossas águas sem nos notificar", afirmou em um comunicado no domingo o ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Hugo Swire.

    A área densamente povoada no sul da Península Ibérica, Gibraltar continua sendo um grande ponto de discórdia nas relações diplomáticas do Reino Unido com a Espanha. Com o Tratado de Utrecht, a região passou a ser território britânico em 1713. Madri porém, voltou a reclamar a soberania do local recentemente.

    Tags:
    Reino Unido, Espanha, Madrid, Grã-Bretanha, Gibraltar, Península Ibérica, Hugo Swire, Comissão Europeia, Ministério das Relações Exteriores, Serviço de Vigilância Aduaneira, invasão, acusação, soberania, tráfico de drogas, disputa territorial, águas territoriais
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar