20:14 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 21
    Nos siga no

    O Papa Francisco lembrou no domingo (9) os 70 anos da explosão da bomba atômica em Nagasaki e pediu o fim das armas nucleares. O ataque desferido pelos EUA destruiu a cidade assim como fizera três dias antes com Hiroshima. No total, 150 mil pessoas morreram diretamente nas duas ações, outras 100 mil faleceram posteriormente em virtude da radiação.

    “Esse trágico evento se tornou símbolo do poder desmedido do homem quando faz uso indevido do progresso da ciência e da técnica e se tornou um alerta perene à humanidade, de modo que ela repudie sempre a guerra e acabe com as armas nucleares e de destruição em massa”, afirmou o Papa Francisco.

    O líder da Igreja Católica, durante o Angelus, na Praça São Pedro, afirmou que ainda hoje os ataques no Japão causam repulsa e horror à humanidade. Papa Francisco fez um convite aos fieis para que rezem e se comprometam com a paz, difundindo a ética fraterna no mundo e um clima de convivência serena entre os povos.

    Aplaudido pelos milhares de fieis presentes, ele ainda conclamou a todos os povos que levantem uma única voz, em cada canto do planeta, pela não violência e a guerra e por um sim ao diálogo e a paz.

    Tags:
    guerra, fraternidade, cobrança, paz, violência, fim, armas nucleares, bomba atômica, Praça São Pedro, Igreja Católica, Papa Francisco, Nagasaki, Hiroshima, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar