05:11 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    1210
    Nos siga no

    O primeiro-ministro russo, Dmitry Medvedev, e seu colega húngaro Viktor Orban sublinharam neste domingo (9) a força dos laços bilaterais entre os dois países, apesar das sanções da União Europeia à Rússia. O premier da Hungria chegou a Kazan para assistir o encerramento do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos.

    “Nossas relações com a Hungria, apesar dos problemas atuais com a União Europeia, são estáveis e amigáveis”, frisou Medvedev.

    A nação da Europa Central é um dos poucos membros da União Europeia que se opõem à expansão das sanções à Rússia impostas pelo bloco, junto com os EUA e outros países ocidentais. Orban garantiu a aspiração de Budapeste de que as relações com Moscou continuem boas, apesar de todas as dificuldades.

    “Em termos de paz e outras questões, a Hungria permanecerá como um bom parceiro da Rússia", acrescentou Orban.

    Este domingo é o último dia da edição deste ano do Campeonato Mundial. A Hungria será a sede da competição em 2017.

    Tags:
    relações bilaterais, encerramento, sanções, encontro, natação, Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, União Europeia, Dmitry Medvedev, Viktor Urban, EUA, Kazan, Budapeste, Moscou, Hungria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar