20:11 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Parlamento Europeu

    Membros do Parlamento Europeu pedem por diálogo com a Rússia

    © flickr.com/ Michal Sänger
    Mundo
    URL curta
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)
    0 881151

    Deputados do Parlamento Europeu pediram por diálogo entre as autoridades europeias e russas, em face ao conflito na Ucrânia, informou o jornal norte-americano Politico.

    Os membros do Grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu, ligados ao Partido Socialista Europeu (PSE), clamaram por “uma nova iniciativa para um diálogo político na Europa e retirada das listas de sanções de todos os membros de parlamentos nacionais e do Parlamento Europeu”. 

    “Vivemos uma situação, na qual os contatos políticos, diplomáticos e pessoais na Europa desceram ao mínimo. Justamente nas condições desta crise nos precisamos de diálogo mais do que em condições normais”, citou o jornal um dos trechos do comunicado dos parlamentares. 

    O vice-presidente do Grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas, Knut Fleckenstein, afirmou que o comunicado dos eurodeputados abrange a lista de sanções da União Europeia (UE), segundo qual estão congelados os ativos, com proibição de emissão de vistos, de 151 cidadãos da Rússia, informou o jornal.

    Os países europeus e EUA aplicaram as sanções contra Rússia em diversas ocasiões de 2014. Não só sanções econômicas, como também sanções contra uma série de políticos, empresários e empresas, em função do posicionamento russo sobre a crise na Ucrânia.   

    Em 6 de agosto do ano passado, o presidente da Rússia assinou um decreto sobre sanções econômicas especiais com intuito de garantir a segurança interna. Foi vedada a importação de uma série de produtos de países que adotaram sanções contra Moscou, com duração de um ano. Fazem parte da lista produtos como carne, queijos, laticínios, entre outros.

    Tema:
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)
    Tags:
    sanções, Parlamento Europeu, Knut Fleckenstein, EUA, Rússia, União Europeia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik