04:37 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    O eurodeputado francês Édouard Ferrand

    Eurodeputado: é hora de acabar com a irresponsável política antirrussa da UE

    © AFP 2017/ STEPHANE DE SAKUTIN
    Mundo
    URL curta
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)
    3813291

    O embargo russo à importação de alimentos provenientes de países que adotaram sanções contra Moscou é um verdadeiro desastre para os agricultores franceses, segundo disse à Sputnik nesta segunda-feira o eurodeputado Édouard Ferrand.

    "A União Europeia propõe apenas 125 milhões de euros para ajudar o setor de horticultura, mas o embargo russo afeta todos os produtos agrícolas franceses. Suas ações são catastróficas aqui", explicou Ferrand, que é membro do Comitê de Desenvolvimento Rural e Agrícola do Parlamento Europeu. 

    De acordo com o parlamentar, os preços das frutas e dos vegetais na França registram uma queda de 12%, enquanto o setor de laticínios também apresenta sinais negativos. 

    "Já é hora de dar um basta à irresponsável política da União Europeia para a Rússia", defende ele. 

    Com o objetivo de punir a Rússia por sua suposta participação na crise da Ucrânia, os Estados Unidos, o bloco europeu e seus aliados decidiram adotar uma série de sanções contra Moscou, que, em resposta, impôs um embargo à importação de diversos alimentos produzidos nesses países. Vários políticos, empresários e agricultores de toda a Europa têm questionado incessantemente a validade dessa posição antirrussa no continente, mas a União Europeia se recusa a rever suas políticas, enquanto os prejuízos se acumulam. 

    Tema:
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)

    Mais:

    Economia da Noruega sofre com as sanções à Rússia
    Chancelaria da Rússia reage à expansão das sanções pelos EUA
    Líder checheno: Europa levantará as sanções por necessitar da Rússia
    Kremlin não exclui resposta desproporcional às sanções dos EUA
    Tags:
    agricultura, embargo, sanções, União Europeia, Édouard Ferrand, Europa, Moscou, EUA, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik