20:19 23 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Demolição de construções irregulares em Beit El, na Cisjordânia

    ONU condena aprovação de novas construções em assentamento israelense na Cisjordânia

    © AFP 2017/ ABBAS MOMANI
    Mundo
    URL curta
    620614

    O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, condenou nesta quarta-feira a decisão israelense de aprovar a construção de 300 novas casas em áreas ocupadas na Cisjordânia e pediu a Tel Aviv para rever a medida.

    Segundo Ban, os "assentamentos são ilegais de acordo com o direito internacional" e um "impedimento para a paz", conforme declarou o seu serviço de imprensa através de um comunicado, acrescentando que o secretário espera que Israel desista dessa decisão em nome da paz. 

    Mais cedo, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, havia aprovado a construção imediata de 300 unidades habitacionais no assentamento de Beit El e um plano para a criação de outras 504 propriedades em Jerusalém Oriental, territórios anexados pelo Estado de Israel durante a Guerra dos Seis Dias, em 1967, e reivindicados pela Autoridade Nacional Palestina.

    A aprovação das novas construções em Beit El acontece pouco depois do anúncio de uma ordem judicial, criticada por Netanyahu, para demolir dois blocos de apartamentos instalados no local, considerando que os prédios foram erguidos ilegalmente em área de propriedade dos palestinos.

    Mais:

    Brasileiros são impedidos por Israel de entrar na Cisjordânia
    Cisjordânia vive crise financeira e culpa Israel por falta de repasse de impostos
    Tags:
    assentamento, Guerra dos Seis Dias, Ban Ki-moon, Benjamin Netanyahu, Beit El, Jerusalém Oriental, Cisjordânia, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik