04:39 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Combatentes do Estado Islâmico (EI).

    Rússia pode reforçar cooperação antiterrorista com Irã

    © AP Photo/
    Mundo
    URL curta
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    155891

    A Rússia pode reforçar a cooperação antiterrorista com o Irã para unir forças na luta contra o Estado Islâmico. Quem afirma é o diretor do departamento de análises de novos desafios do ministério das relações exteriores russo, Ilya Rogachev.

    "Nós podemos promover a cooperação antiterrorista com o Irã na região do Oriente Médio", disse ele.

    Segundo Rogachev, o principal objetivo desta cooperação deve se consistir na luta comum contra a organização terrorista Estado Islâmico.

    O diplomata lembrou que Teerã "há muito tempo está ativamente envolvida na luta contra o EI", ajudando, principalmente, o governo do Iraque.

    "A mesma coisa que nós fazemos, proporcionando um apoio substancial às autoridades iraquianas", acrescentou.

    No mês passado, o ministro russo de Relações Exteriores, Sergei Lavrov, disse que a Rússia e os Emirados Árabes Unidos vão aumentar a cooperação na luta contra o terrorismo no Oriente Médio.

    Segundo a diplomacia russa, em comunicado oficial divulgado em junho, as ações norte-americanas contra o EI ainda não produziram os resultados desejáveis por conta dos duplos padrões utilizados por Washington, que permitem aos terroristas agir de maneira mais organizada e"não hesitar em perpetrar os crimes mais hediondos na realização do seu objetivo, a criação de um califado transfronteiriço em um vasto território de Damasco a Bagdá". 

    A situação no Iraque se mantém instável devido, essencialmente, ao grande alcance dos militantes do EI, que é vinculado à al-Qaeda. A expansão do Estado Islâmico, que se apoderou de uma parte considerável do território do Iraque e da Síria, converteu-se em um dos maiores problemas globais.

    Tema:
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)

    Mais:

    Atentado do Estado Islâmico provoca morte de pelo menos 86 no Iraque
    Iraque: coalizão faz pouco no combate ao Estado Islâmico
    Iraque busca ajuda de Rússia e China em vez dos EUA
    Forças sírias e Estado Islâmico travam batalhas próximo às fronteiras com Iraque e Turquia
    Tags:
    cooperação, terrorismo, Estado Islâmico, Irã, Iraque, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik