20:23 23 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Soldados do batalhão Azov ostentando o símbolo neonazista do Wolfsangel

    Kremlin acusa Kiev de crimes contra a humanidade em Donbass

    © Sputnik/ Aleksandr Maksimenko
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia: campo de batalha (286)
    0 41982

    O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, declarou nesta segunda-feira (13) que algumas ações cometidas pelas forças de Kiev no leste da Ucrânia podem ser consideradas crimes contra a humanidade.

    No início do mês, autoridades das autoproclamadas Repúblicas Populares de Donetsk e Lugansk (RPD e RPL, respectivamente), apelaram ao Conselho de Segurança da ONU para criar um tribunal internacional capacitado para investigar supostos crimes de guerra cometidos pelas tropas de Kiev em Donbass.

    "Falando da necessidade de tal tribunal (…) solicitado pelos representantes de Donbass, a saber, [um tribunal] sobre os crimes contra a humanidade cometidos pelo Exército ucraniano em Donbass, podemos dizer que eles [os crimes] realmente existem, já que o lado russo tem a sua própria investigação de uma série de episódios e, mesmo com base nos resultados preliminares da investigação, podemos dizer que existem episódios que podem ser qualificados como atos de crimes contra a humanidade em Donbass", disse Peskov em declaração à imprensa.

    O porta-voz disse ainda que o Conselho de Segurança das Nações Unidas deve tomar a decisão de criar o tribunal.

    Diversos relatos de crimes de guerra têm vindo à tona no leste da Ucrânia desde o início do conflito militar em abril de 2014, incluindo uma série de atos cometidos por batalhões de voluntários pró-Kiev. 

    Muitas organizações humanitárias, incluindo a Anistia Internacional, têm dito que o Governo ucraniano é responsável por crimes de guerra e violações dos direitos humanos perpetrados pelos batalhões de voluntários no sudeste do país.

    Tema:
    Ucrânia: campo de batalha (286)

    Mais:

    Conflitos entre exército e rebeldes deixam quatro mortos na Ucrânia
    Pentágono avalia opções para enviar armas à Ucrânia
    Hackers divulgam documentos que mostrariam tentativa da Ucrânia de barrar jornalistas
    RPD: Kiev se prepara para usar armas químicas em Donbass com ajuda norte-americana
    RPD acusa Kiev de planejar atentados terroristas às vésperas de cúpula da UE
    Batalhão ucraniano se rebela e ameaça abrir fogo contra tropas de Kiev
    Pentágono nega envolvimento com batalhão paramilitar da Ucrânia
    Tags:
    crimes contra a humanidade, tribunal internacional, crimes de guerra, neonazismo, direitos humanos, Conselho de Segurança da ONU, Anistia Internacional, Dmitry Peskov, RPL, Lugansk, RPD, Kiev, Donetsk, Donbass, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik