08:17 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Ultranacionalistas ucranianos do Setor de Direita

    Ultranacionalistas ucranianos do Setor de Direita levantados em alerta de combate

    © AFP 2017/ SERGEI SUPINSKY
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia: campo de batalha (286)
    41500017

    Todos os membros do movimento ultranacionalista ucraniano Setor de Direita foram levantados em alerta de combate em conexão com um tiroteio na cidade de Mukachevo no oeste da Ucrânia, relata no sábado o serviço de imprensa da organização.

    O porta-voz do corpo de voluntários do movimento, Andrei Sharaskin, disse que o tiroteio está diretamente ligado com as tentativas de bloquear um canal de contrabando, relata a agência RIA Novosti.

    Ele comentou a declaração do presidente da Ucrânia Pyotr Poroshenko, que instruiu deter as pessoas que abriram fogo em Mukachevo:

    "Quero acreditar que o presidente estava se referindo àqueles que estão envolvidos em saques na Transcarpátia. Tudo isso aconteceu depois que nossos irmãos jurados bloquearam o caminho do contrabando mas isso [o contrabando] já era conhecido há muito tempo. E agora o presidente quer eliminá-los fisicamente".

    Ele também observou que anteriormente os representantes do Setor de Direita receberam ameaças depois de tentativas de bloquear o contrabando. 

    Esta manhã, os representantes do movimento ultranacionalista, armados com metralhadoras, abriram fogo em Mukachevo contra civis e policiais. Eles destruíram dois carros da polícia, atingidos por granadas. Como resultado, foram feridos três policiais e quatro civis. 

    No tiroteio morreram dois combatentes do Setor de Direita (de acordo com outras fontes — três). Os restantes foram cercados e convidados a se render. 

    O Sector de direita declarou o alarme geral, exigindo a detenção do deputado Michail Lanho, com quem os radicais têm um conflito, e dos representantes das forças de segurança que participaram do tiroteio.

    "Agora os comandos estão em alerta de combate para destruir nossos irmãos. Se isso acontecer, começará um processo irreversível. Nós não permitiremos a ninguém atirar contra nossos irmãos… Todo o movimento político-militar Setor de Direita foi levantado em alerta de combate", disse a organização.

    O Setor de Direita é uma união de organizações nacionalistas de extrema-direita. Em janeiro e fevereiro de 2014, os combatentes do movimento participaram em confrontos com a polícia e no assalto a edifícios administrativos em Kiev. Depois de abril, participaram no esmagamento dos protestos no leste da Ucrânia, ao lado do exército ucraniano. Em março de 2014, o movimento foi transformado em partido político, liderado por Dmitry Yarosh, mantendo ao mesmo tempo o seu braço armado. 

    Em novembro do ano passado, a Suprema Corte da Rússia baniu as atividades do Setor de Direita na Rússia, classificando a organização como extremista.

    Tema:
    Ucrânia: campo de batalha (286)
    Tags:
    tiroteio, Setor de Direita, Pyotr Poroshenko, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik