03:27 25 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Líderes do G7 em uma conversa informal durante a cúpula do grupo na Alemanha.

    Cúpula do G7 em 2016 será no Japão

    © REUTERS / Michael Kappeler
    Mundo
    URL curta
    115

    O G7 anunciou que a próxima cúpula do grupo formado pelos países mais ricos do planeta – EUA, Japão, Alemanha, França, Reino Unido, Itália e Canadá – acontecerá nos dias 26 e 27 de maio, em Shima, no Japão. A cidade fica na província de Mie e é conhecida por suas belezas naturais.

    Este ano, o grupo se reuniu em Elmau, na Alemanha, e entre os principais assuntos discutidos estiveram a crise na Grécia, o conflito na Ucrânia e questões climáticas. Na oportunidade, o G7 se comprometeu a reestruturar o setor energético e a promover a diminuição dos índices de carbono na atmosfera.

    A Rússia, que fez parte do grupo, então G8, até a cúpula de 2014, realizada em Sochi, foi excluída da cimeira na Alemanha por conta da reintegração da Crimeia. A península optou por deixar de ser território ucraniano e voltar à Federação Russa em referendo popular em que, aproximadamente, 97% da população votaram a favor.

    Não houve qualquer manifestação do G7 sobre um possível convite à Rússia para participar da cúpula do próximo ano.

    Tags:
    compromisso, atmosfera, convite, reintegração, conflito, crise, carbono, cimeira, cúpula, G7, Federação Russa, Crimeia, Ucrânia, Grécia, Canadá, Itália, Reino Unido, França, Japão, EUA, Sochi, Shima, Alemanha, Elmau, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar