04:21 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0419
    Nos siga no

    Há provas de que os EUA usam informações falsas no processo de negociações entre o Irã e o “sexteto”, diz um representante oficial iraniano.

    Segundo Reza Najafi, representante oficial do Irã nas negociações com o "sexteto" internacional (Alemanha, China, EUA, França, Reino Unido, Rússia), os EUA têm manipulado os dados da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) para avaliar o programa nuclear iraniano.

    "Nós temos declarado repetidamente que os documentos são falsos, porque os serviços secretos dos EUA falsificaram os documentos sobre o programa nuclear do Irã", disse Najafi.

    Ele acrescentou que as especulações sobre o possível aspecto militar do programa nuclear do Irã não têm fundamento, negando oficialmente as respectivas acusações.

    Entre outras coisas, o representante iraniano desmentiu a existência de uma instalação nuclear perto da cidade de Merivan, na fronteira com o Iraque. De acordo com Najafi, estas informações tiveram origem em dados manipulados.

    A AIEA ainda não comentou as declarações do representante do Irã.

    No entanto, Najafi citou também uma carta do Movimento dos Países Não Alinhados que declara apoio ao recente acordo-quadro sobre o programa nuclear iraniano, assinado após uma longa jornada de negociações em inícios de abril. Esse documento estabelece um prazo até 30 de junho para a possível assinatura de um acordo formal que permita levantar as sanções (não todas, mas uma parte considerável) do Irã para que esse país possa produzir energia nuclear para fins pacíficos.

    Mais:

    Hillary classifica Rússia, Irã e Coréia do Norte como "ameaças tradicionais" aos EUA
    Oficial: EUA não ousam atacar Irã temendo retaliação
    Hackers tentam atacar a Kaspersky Lab e atrapalhar negociações do Sexteto com o Irã
    Chefe da CIA faz visita secreta a Israel antes do acordo nuclear com o Irã
    Irã e P5+1 podem não cumprir prazo para assinatura de acordo
    Tags:
    EUA, Irã, sexteto, Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), energia nuclear, programa nuclear iraniano
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar