21:30 15 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras países BRICS

    Economista Paulo Nogueira Batista Jr. será Vice-Presidente do Banco do BRICS

    © Sputnik /
    Mundo
    URL curta
    BRICS: organização do futuro (189)
    0 172

    O economista Paulo Nogueira Batista Jr. foi confirmado para a vice-presidência do Novo Banco de Desenvolvimento, o Banco do BRICS. A informação foi divulgada pelo Ministério da Fazenda nesta terça-feira, 9 de junho.

    Paulo Nogueira Batista Jr. é diretor executivo do FMI, Fundo Monetário Internacional, entidade em que representa o Brasil e mais dez países.

    “O Governo brasileiro designou o economista Paulo Nogueira Batista Jr. para assumir o cargo de vice-presidente do Novo Banco de Desenvolvimento, que está sendo estabelecido em Xangai, na China, pelos BRICS – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul”, informou o Ministério da Fazenda em comunicado oficial.

    Paulo Nogueira Batista Jr. é Diretor-Executivo no Fundo Monetário Internacional. Durante gestão no FMI, contribuiu para diminuir o desequilíbrio entre as economias avançadas e em desenvolvimento dentro da instituição, tanto por meio das negociações sobre reformas de quotas e governança quanto por seus esforços em aumentar o engajamento do Fundo com as economias de menor porte e em situação de fragilidade. 

    Segundo o ministério, o economista participou da agenda de cooperação dos BRICS, e do trabalho preparatório para a criação do Novo Banco de Desenvolvimento e do Arranjo Contingente de Reservas, estabelecidos em julho de 2014, durante a VI Reunião de Líderes dos BRCS em Fortaleza.

    No começo do próximo mês, Paulo Nogueira Batista Jr. estará em Xangai para integrar-se à pré-administração do Novo Banco de Desenvolvimento, que inclui o Presidente do Banco, designado pela Índia, e os outros três vice-presidentes indicados pelos demais países dos BRICS. O Banco deverá iniciar as suas operações em janeiro de 2016.

    O Banco do BRICS será criado para fomentar políticas de desenvolvimento em infraestrutura nos cinco países. Terá capital inicial de US$ 50 bilhões, sendo US$ 10 bilhões em recursos e US$ 40 bilhões em garantias.

    Tema:
    BRICS: organização do futuro (189)
    Tags:
    Banco de Desenvolvimento do BRICS, BRICS, Paulo Nogueira Batista Jr, África do Sul, China, Índia, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar