04:08 20 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Ativistas anti-TTIP

    Mais de 2 milhões de europeus assinam petição contra o TTIP

    © AFP 2017/ JOHN MACDOUGALL
    Mundo
    URL curta
    0 966201

    Mais de 2 milhões dos europeus assinaram uma petição contra o Acordo de Parceria Trans-Pacífico de Comércio e Investimento (TTIP) entre a União Europeia e os Estados Unidos, que, segundo os críticos, irá beneficiar as grandes corporações, mas não os cidadãos.

    Inicialmente os ativistas planejaram atingir 2 milhões de assinaturas só em outubro deste ano. A votação sobre a resolução do TTIP está programada pela Comissão Europeia para quarta-feira.

    No mês passado, ativistas pediram à União Europeia para votar contra a resolução relativa aos litígios entre investidores e Estados, ponto que, na opinião deles, favorece as grandes corporações estrangeiras e coloca os Estados numa situação dependente. Ativistas anti-TTIP têm repetidamente salientado que o acordo foi negociado em segredo, sem a supervisão de especialistas.

    O grupo também se opõe a um acordo de livre comércio com o Canadá, conhecido como o Acordo Geral de Comércio Econômico.

    Na semana passada o site WikiLeaks publicou 17 documentos relacionados com as negociações secretas sobre o Acordo da Parceria Trans-Pacífico entre os EUA, a UE e os 23 membros da Organização Mundial do Comércio (OMC).

    Mais cedo, foi relatado que o WikiLeaks pretende pagar uma indenização de 100 mil dólares pelo texto dos capítulos inéditos do Acordo da Parceria Trans-Pacífico. O montante foi coletado por doações diretamente através do site.

    “Sem privacidade e sem desculpas. Vamos tornar livre o acesso à Parceria Trans-Pacífico de uma vez por todas e para sempre”, diz a mensagem de Julian Assange, publicada no site de WikiLeaks.

    Tags:
    Acordo de Parceria Transatlântica de Comércio e Investimento (TTIP), protesto, Comissão Europeia, União Europeia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik