02:36 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Navios de guerra da OTAN.

    Moscou: OTAN vai praticar interceptação de mísseis russos no Atlântico

    © AP Photo/ Gero Breloer
    Mundo
    URL curta
    0 335

    Os próximos exercícios com defesa de mísseis da OTAN no Atlântico envolverão o treinamento da interceptação de mísseis balísticos russos, segundo declarou o vice-ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov.

    "O exercício será conduzido na parte nordeste do Atlântico. Ele sugere apenas uma coisa: a interceptação de mísseis balísticos russos está planejada para ser praticada. Tais exercícios aumentam nossas preocupações", disse ele em entrevista coletiva nesta sexta-feira (29).

    As manobras da OTAN em questão, denominadas "At Sea Demonstration 2015", serão realizadas em outubro, sob a liderança dos EUA.

    De acordo com Antonov, a criação de um escudo antimísseis norte-americano na Europa continua em andamento, ao mesmo tempo em que sistemas móveis de interceptação de mísseis balísticos, instalados em navios, estão sendo construídos e testados pela aliança militar ocidental.

    "A OTAN continua a implementar o seu programa de defesa antimísseis apesar da resolução positiva para a questão nuclear iraniana, que já foi colocada como a principal razão para a criação do escudo antimísseis europeu", apontou Antonov.

    Na semana passada, o vice-presidente do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, almirante James Winnefeld, disse ser evidente que “um país tão poderoso como a Rússia poderia superar o sistema de defesa antimíssil rapidamente. A questão não é essa. A questão que nos preocupa (e devido à qual ajudamos os nossos aliados europeus) é a proteção contra o Irã e outras ameaças que existem na região”. 

    No entanto, o representante permanente da Rússia na OTAN, Aleksandr Grushko, afirmou que as decisões da aliança de seguir com a implantação do escudo antimísseis alteram a situação política e militar na Europa, representam grande ameaça à Rússia e serão consideradas por Moscou no planejamento da defesa do país. 


    Mais:

    Rússia rebate OTAN: exercícios militares ocorreram longe da fronteira
    OTAN: Rússia pode ocupar Kiev e países bálticos em quatro dias
    OTAN anuncia oito novas unidades de comando no Leste Europeu
    OTAN lembra Kiev que escudo antimísseis é só para seus países membros
    Tags:
    mísseis, OTAN, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik