09:48 18 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    O simbólico botão de reset apresentado ao Ministro das Relações Exteriores russo Sergei Lavrov pela ex-secretária de Estado dos EUA Hillary Clinton.

    Opinião: EUA perceberam que não adianta isolar a Rússia

    © AFP 2017/ ALEXANDER NEMENOV
    Mundo
    URL curta
    12793431

    Assistindo à aproximação entre a Rússia e a China, parece que os Estados Unidos chegaram a uma série de conclusões, em particular ao fato de que as tentativas de isolar a Rússia falharam.

    A respectiva opinião foi expressa pelo analista político Pepe Escobar. Ele declarou que a recente visita do secretário de Estado norte-americano John Kerry a Sochi prova esse fato.

    Os EUA compreenderam que atraíram muitos problemas geopolíticos pela sua política externa em relação com a Rússia, e agora tentam resolver a situação, escreveu Escobar na publicação Asia Times.

    Segundo ele, Washington provavelmente descobriu a razão dos seus problemas e é isto que pode explicar a visita de Kerry, durante a qual ele se encontrou com o presidente russo Vladimir Putin e o chanceler Sergei Lavrov.

    O especialista escreveu que provavelmente a administração de Obama finalmente percebeu que não adianta isolar a Rússia e que a Rússia não vai mudar a sua posição em conexão com a crise na Ucrânia.

    Escobar também pensa que um dos temas discutidos em Sochi poderia ter sido a via que os EUA terão escolhido para sair da situação geopolítica existente e, ao mesmo tempo, salvar as aparências.

    Mais:

    Opinião: sanções contra Rússia perderão sentido em 2016
    Opinião: ações da Rússia neutralizam EUA no Oriente Médio
    Opinião: EUA e aliados usam a crise ucraniana para minar posições da Rússia
    Tags:
    política, Ucrânia, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik