23:55 09 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 212
    Nos siga no

    No primeiro trimestre de 2015, o crescimento da economia alemã foi mais lento do que o previsto. As razões para isso são as sanções anti-Rússia e a crise do euro, segundo noticiou o alemão DWN.

    Segundo o jornal, as restrições tiveram um impacto negativo sobre a economia alemã, agravada pela crise do euro. O produto interno bruto (PIB) subiu de janeiro a março apenas por 0,3% em comparação com o trimestre anterior, divulgou o Escritório Federal de Estatística em Wiesbaden nesta quarta-feira (13). Tudo somado, os indicadores econômicos estão bem abaixo das previsões dos economistas, que esperavam um crescimento de 2% em 2015.

    O DWN informou que as sanções impostas à Rússia pelos países da União Europeia são um grande problema para os alemães. O embaixador russo na Alemanha, Vladimir Grinin, disse ao jornal que as medidas machucam os dois países.

    Em 2014, as exportações alemãs para a Rússia caíram drasticamente de 18,1%, ou € 6,5 bilhões. O volume de comércio russo-alemão diminuiu em 12,09%, para € 67,7 bilhões (em comparação com 77,03 bilhões em 2013).

    A tendência negativa continuou até o início de 2015, com o declínio nas exportações alemãs atingindo uma nova baixa de 34% em janeiro e fevereiro.

    Tags:
    baixa, exportações, economia, comércio, sanções, DWN, União Europeia, Alemanha, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar