01:22 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Tony Abbott

    Austrália anuncia corte de ajuda à Indonésia após execução de australianos

    © AFP 2019 /
    Mundo
    URL curta
    156
    Nos siga no

    A Indonésia começou a colher os frutos negativos dos problemas diplomáticos gerados com a execução de estrangeiros. A Austrália anunciou nesta terça-feira um corte de, aproximadamente, 40% na ajuda financeira anual a Jacarta, reduzindo o valor de US$ 429 milhões para US$ 255 milhões.

    Anteriormente, alguns analistas afirmaram que o governo australiano poderia até mesmo retirar toda a ajuda financeira à Indonésia depois que teve rejeitado o pedido de clemência para dois cidadãos da Austrália mortos recentemente. O Primeiro-Ministro Tony Abbott lembrou, inclusive, a doação de US$ 1 bilhão a Jacarta após o tsunami de 2004.

    O corte no auxílio à Indonésia, porém, não será o único do governo australiano. Vietnã, Filipinas e Mianmar terão suas ajudas diminuídas, mas em apenas 20%, enquanto o Timor Leste perderá perto de 5%. O Camboja foi o único país da região que continuará recebendo recursos financeiros da Austrália.

    A execução de estrangeiros gerou problemas diplomáticos para a Indonésia. O Brasil chegou a adiar o recebimento das credenciais do novo embaixador indonésio. O país asiático, por sua vez, chamou de volta o então embaixador Toto Riyanto. O governo brasileiro classificou o fuzilamento de fato grave.

    Tags:
    tsunami, diplomacia, relações, auxílio financeiro, corte, execução, Tony Abbott, Timor Leste, Mianmar, Filipinas, Vietnã, Camboja, Brasil, Jacarta, Indonésia, Austrália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar