12:55 02 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 1229
    Nos siga no

    Ativistas da Sociedade de Arbitragem e Paz da Suécia (SPAS) decidiram usar uma propaganda gay para afastar os supostos submarinos russos que navegam em mares suecos, relata o canal de TV SVT.

    Os ativistas instalaram um novo sistema sonar chamado "O Marinheiro Cantor", que envia código morse a qualquer embarcação próxima com a seguinte mensagem:

    "Bem-vindos à Suécia. Gay desde 1944. Venha nesta direção se você for gay."

    O sistema inclui um cartaz com uma animação em neon. Nela, um marinheiro dança vestindo apenas roupas de baixo. De acordo com os ativistas suecos, o novo "método de defesa" pode assustar os comandantes dos submarinos russos que estiverem em águas suecas.

    O gerente de comunicação de arrecadação da SPAS, Daniel Holking, afirmou que se qualquer tripulação de um submarino russo passar pelo "Marinheiro Cantor", será mais do que bem-vinda a se juntar à Parada do Orgulho de Estocolmo, no dia 1º de agosto.

    Em outubro do ano passado, a Suécia ganhou manchetes ao redor do mundo depois de supostamente avistar um submarino estrangeiro em suas águas. Pensava-se que o submarino em questão era russo, mas os militares suecos jamais conseguiram provar a origem da embarcação e nem sequer a localizaram novamente.

    Desde então, o país nórdico decidiu investir o equivalente a US$ 111,9 milhões no setor de defesa, preocupado com o possível aumento da presença militar russa no Mar Báltico. Ativistas da SPAS preocupam-se com a militarização da Suécia. A tática da propaganda gay certamente custa muito menos.

    Mais:

    Marinha finlandesa afugenta submarino misterioso
    Mídia: Rússia lança o submarino mais silencioso do mundo
    Submarino francês “afunda” porta-aviões norte-americano durante exercícios
    Tags:
    gay, submarino, propaganda, Suécia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar