17:28 16 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Rebeldes houthis protestam contra os ataques da coalizão liderada pela Arábia Saudita no Iêmen

    Iêmen: rebeldes afirmam ter derrubado avião da coalizão saudita

    © AP Photo / Hani Mohammed
    Mundo
    URL curta
    0 172
    Nos siga no

    Um grupo de rebeldes houthis do Iêmen garantiu nesta segunda-feira ter derrubado uma aeronave da coalizão militar liderada pela Arábia Saudita. O comunicado foi feito poucas horas depois de o Marrocos informar que um de seus jatos havia desaparecido sobre o território iemenita.

    “A força aérea das tribos derrubou um avião de guerra sobre Wadi Nushur, em Saada”, no norte do país, informou o canal de TV Al-Masirah, mostrando imagens dos combatentes xiitas comemorando em torno dos destroços do que seria um caça F-16. 

    Segundo as Forças Armadas do Marrocos, os militares teriam perdido contato com o piloto do avião por volta das 18h do último domingo e, até o momento, não é possível dizer se ele teria se ejetado ou permanecido na aeronave. No entanto, a imprensa saudita afirma que fontes da própria coalizão disseram que o contato com o piloto foi perdido apenas às 22h30. 

    “Tudo aconteceu quando ele retornava de uma missão de bombardeio contra milícias houthis”, informou uma agência de notícias da Arábia Saudita, acrescentando que os trabalhos de buscas pelo piloto continuam. 

    De acordo com estimativas das Nações Unidas, mais de 1.400 pessoas, sendo a metade civis, morreram no Iêmen desde o início dos ataques da coalizão liderada pela Arábia Saudita, em março, contra as posições dos houthis no país.

    Mais:

    Apesar de trégua, coalizão árabe promete resposta severa aos houthis no Iêmen
    ONG de direitos humanos condena ataques a civis no Iêmen
    EUA bombardeiam Iêmen e depois oferecem “ajuda humanitária”
    Tags:
    F-16, houthis, avião, Al-Masirah, ONU, Saada, Wadi Nushur, Marrocos, Iêmen, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar