20:46 15 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    A polícia de Baltimore tenta implementar um toque de recolher na cidade.

    Polícia dos EUA usa até blindado contra a população para fazer valer o toque de recolher

    © REUTERS / Jim Bourg
    Mundo
    URL curta
    0 16

    A Guarda Nacional e militares do Exército dos EUA puseram em prática a partir das 22h de terça-feira (28), durando toda a madrugada de quarta-feira (29), o toque de recolher em Baltimore.

    Os agentes pediram à população para não sair de casa e investiram contra os manifestantes que desde segunda-feira (27) protestam contra a ação violenta da polícia norte-americana contra a população negra. Mais de três mil homens foram usados para fazer valer o toque de recolher, que tem o aval do Presidente Barack Obama e está previsto para uma semana.

    Os policiais e militares usaram equipamentos de choque e até blindados se posicionaram em algumas avenidas. Um boletim foi divulgado à 1h (horário local) informando que a situação estava sob controle. No entanto, imagens de TV mostram que houve resistência dos manifestantes.

    Os protestos começaram logo após o enterro, na segunda-feira, de Freddie Gray, um jovem negro de 25 anos morto no domingo (19) após ter a coluna lesionada por policiais de Baltimore. As manifestações tornaram-se violentas e registram um saldo de 236 pessoas detidas e 144 carros e 15 prédios incendiados.

    Barack Obama admitiu que a polícia dos EUA precisa rever seus métodos de interação com a população, sobretudo com os negros.

    Tags:
    toque de recolher, jovem negro, violência, protestos, manifestação, polícia, Guarda Nacional, Freddie Gray, Barack Obama, Baltimore, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik