14:23 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 146
    Nos siga no

    Após o funeral de Freddie Gray, que faleceu sob a custódia das forças policiais devido a lesões na medula espinhal, violentos protestos continuam a se espalhar pela cidade de Baltimore.

    Baltimore está sob cerco enquanto policiais e manifestantes se enfrentam nas ruas

    Em seguida ao funeral de Freddie Gray, que faleceu sob a custódia das forças policiais devido a lesões na medula espinhal, violentos protestos continuam a se espalhar pela cidade de Baltimore.

    A polícia local utiliza bombas de gás para dispersar os manifestantes.

    Iniciadas no shopping Mondawmin, no noroeste de Baltimore, as manifestações se espalharam para outras partes da cidade, o que resultou na implantação de equipes da SWAT. Reforços policiais foram enviados de todo o estado enquanto saques são realizados na zona comercial da cidade. Foram feitas várias detenções, e até o presente momento muitos oficiais foram feridos.

    Dos protestos que aconteceram desde a morte de Gray em 19 de abril, a polícia está chamando o de hoje de mais violento até então.

    A tragédia tem causado grande indignação nos residentes de Baltimore devido a ilegalidade na ação da detenção de Freddie e pelos indícios de ter sido submetido a maus-tratos.

    Após a detenção, um dos policiais que participou da ação, disse que 80 % de vértebras do pescoço do homem foram quebradas. Grey foi levado para o hospital, e depois de ser operado entrou em coma. Porém, os médicos não puderam salvar sua vida.
    "Nós sabemos que antes de ser preso ilegalmente pela polícia, Gray era um saudável jovem de 25 anos de idade. Após a detenção ilegal, ele recebeu uma grave lesão na coluna vertebral, o que resultou na morte", disse o advogado da família Grey, Jason Downs.

    A maioria das perguntas surge do fato de que Freddie foi preso muito perto da delegacia. No entanto, levou 40 minutos desde a sua detenção até a chamada da ambulância.

    Os protestos contra a violência policial continuam desde agosto de 2014, quando um policial branco matou o adolescente negro chamado Michael Brown.

    Segundo as estatísticas, os cidadãos negros dos Estados Unidos são mortos 21 vezes mais frequentemente em confrontos com a polícia do que os brancos.

    Tags:
    manifestações, Freddie Gray, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar