13:16 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Execução de cristãos etíopes pelo Estado Islâmico.

    Brasil condena execuções do Estado Islâmico e atentado em Jalalabad

    © REUTERS /
    Mundo
    URL curta
    0 01

    O Ministério das Relações Exteriores do Brasil divulgou uma nota nesta segunda-feira (20) condenando os atos criminosos perpetrados pelo Estado Islâmico e seus grupo filiados.

    “O atroz assassinato de cristãos etíopes na Líbia, tornado público ontem, e o atentado terrorista no último sábado em Jalalabad, no Afeganistão, que resultou em dezenas de mortos e feridos, denotam absoluta falta de respeito aos direitos humanos mais básicos e são afrontas diante das quais a comunidade internacional não se pode calar.” O governo brasileiro também destacou na nota “sua repulsa à intolerância religiosa e ao terrorismo, qualquer que seja sua justificativa ou origem.

    No domingo (19), o Estado Islâmico divulgou um vídeo de 29 minutos com um grupo de pelo menos 12 homens sendo levados para uma praia e degolados. Em outro momento, as imagens mostram outros 16 homens sendo fuzilados em uma área deserta. Segundo o grupo jihadista, eles seriam cristãos etíopes.

    O atentado terrorista que aconteceu em Jalalabad, no sábado (18), e assumido pelo Estado Islâmico matou 35 pessoas e feriu outras 125. Um suicida explodiu uma bomba em um banco onde estava sendo realizado o pagamento dos funcionários do governo.

    Tags:
    cristãos etíopes, praia, banco, explosão, nota, repúdio, execuções, Itamaraty, Estado Islâmico, Afeganistão, Jalalabad, Líbia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik