11:06 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Incêndios florestais na república russa da Khakássia

    Rússia promete reconstruir casas destruídas nos incêndios da Sibéria antes do inverno

    © Sputnik/ Denis Mukimov
    Mundo
    URL curta
    0 16441

    Os incêndios florestais que devastam a república siberiana da Khakassia deixaram cerca de 4.700 pessoas desabrigadas, segundo informou o governo local nesta terça-feira (14). O ministro russo para Situações de Emergência, Vladimir Puchkov, por sua vez, disse que as casas perdidas serão restauradas em seis meses.

    "Estou convencido de que em seis meses, vamos construir novas casas e vocês se mudarão para novos lares até o inverno", disse Puchkov, dirigindo-se à população desabrigada.

    Meteorologistas locais alertaram para o risco de novos focos de incêndio devido à previsão de ventos fortes que dificultam o trabalho dos bombeiros russos. Pelo menos 23 pessoas já morreram nos últimos dias na região da Khakássia.  

    Enquanto isso, cerca de 2.500 militares e quatro helicópteros Mi-8 foram postos em alerta e estão prontos para participar dos esforços de combate ao fogo que se alastra na região, segundo informou um porta-voz do Distrito Militar do Leste da Rússia nesta terça-feira. Além disso, dois Mi-8 já estão em patrulha aérea.

    Segundo as autoridades locais de monitoramento florestal, a área atingida pelos incêndios no Distrito Federal Siberiano chegou a 14 mil hectares nas últimas 24 horas. Os focos mais violentos são registrados nos territórios de Transbaikal e Krasnoyarsk, nas repúblicas de Altai, Buriátia e Tuva, bem como na região de Irkutsk.

    Mais:

    Fisiculturistas da Sibéria
    Submarino nuclear pega fogo em estaleiro na Rússia
    Incêndio atinge famoso convento em Moscou
    Tags:
    incêndio florestal, incêndios florestais, incêndio, Mi-8, Vladimir Puchkov, Krasnoyarsk, Transbaikal, Buriácia, Irkutsk, Tuva, Altai, Khakássia, Sibéria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik