09:02 22 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Iemenitas andam sobre destroços de casas destruidas pelos bombardeios sauditas perto da capital Sanaa

    Bombardeios liderados pela Arábia Saudita atingem escola e matam 6 crianças no Iêmen

    © AP Photo/ Hani Mohammed
    Mundo
    URL curta
    0 21712

    Pelo menos seis crianças morreram após os ataques aéreos da coalizão internacional liderada pela Arábia Saudita terem atingido uma escola na região central do Iêmen, segundo informou uma fonte militar à Sputnik nesta terça-feira (7).

    Segundo a fonte, os corpos de três estudantes já foram recuperados, e os dos outros três ainda estavam sendo removidos.

    O Iêmen tem sido assolado pelo conflito entre os rebeldes houthis e as forças leais ao presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi. A coalizão liderada pela Arábia Saudita vem realizando ataques aéreos contra os militantes xiitas desde 26 de março, a pedido de Hadi. Na segunda-feira (6), a Unicef divulgou que 74 crianças haviam morrido no país desde o início das incursões sauditas. Outras 44 ficaram feridas.

    O porta-voz da Organização Mundial da Saúde (OMS), Christian Lindmeier, em entrevista coletiva em Genebra nesta terça-feira, informou que mais de 540 pessoas foram mortas e que 1.700 ficaram feridas no conflito desde 19 de março.

    Mais:

    Ataque de coalizão destrói depósitos de combustíveis no Iêmen
    Rebeldes xiitas controlam o principal porto do Iêmen
    Coalizão liderada pela Arábia Saudita no Iêmen pede soldados para Paquistão
    Houthis no Iêmen estão prontos para diálogo se bombardeios terminarem
    Tags:
    Houthis, Unicef, OMS, Abed Rabbo Mansour Hadi, Iêmen, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik