15:33 21 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Serviços de resgate trabalham nos Alpes franceses no local da queda do Airbus da Germanwings.

    Segunda caixa-preta do Airbus 320 da Germanwings é encontrada

    © AP Photo/ French Interior Ministry, Francis Pellier
    Mundo
    URL curta
    0 18510

    A justiça francesa informou nesta quinta-feira (2) que a segunda caixa-preta do Airbus 320 da Germanwings que caiu nos Alpes franceses, no dia 24 de março, foi encontrada. As autoridades esperam que o equipamento, que contém os parâmetros de voo, revele mais detalhes sobre a catástrofe que matou as 150 pessoas que estavam a bordo.

    Os resgatistas franceses encerraram a busca por restos mortais na terça-feira, 31 de março, e se concentraram na busca pela segunda caixa-preta do avião. Este foi o trabalho final dos especialistas nos Alpes. O primeiro equipamento, com as informações de voz, havia sido encontrado no dia da queda do Airbus.

    Os dados iniciais indicam, segundo os investigadores, que o copiloto Andreas Lubitz fechou a porta da cabine em um momento de saída do piloto e jogou deliberadamente a aeronave contra as montanhas. Ele havia passado por tratamento psiquiátrico para conter tendências suicidas.

    Os restos mortais encontrados nos Alpes só poderão ser identificados por exames de DNA. O resultado das análises deverá ser conhecido entre dois e quatro meses, segundo o diretor do Instituto de Pesquisa Criminal da Gendarmaria da França, coronel François Daoust.

    Tags:
    copiloto, DNA, suicídio, queda, avião, caixa-preta, Airbus, Germanwings, Andreas Lubitz, Alpes, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik