04:30 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Porta-voz da chancelaria russa, Alexander Lukashevich, durante entrevista coletiva em Moscou

    Moscou: envio de armas dos EUA para a Ucrânia “ameaça diretamente a segurança da Rússia”

    © Sputnik/ Kirill Kallinikov
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    0 1635281

    As discussões em Washington sobre a possibilidade de fornecer armas para a Ucrânia pioram seriamente o clima de tensão em Donbass e ameaçam a segurança da Rússia, segundo declarou nesta quinta-feira (26) o porta-voz do Ministério russo das Relações Exteriores, Aleksander Lukashevich.

    "O fornecimento de armas dos Estados Unidos para a Ucrânia é preocupante para a frágil trégua em Donbass e ameaça diretamente a segurança da Rússia", disse ele.

    De acordo com o porta-voz, Moscou tem que “levar em conta tais planos beligerantes e declarações instigantes para implementar seus próprios programas de defesa”. 

    “Mas isso não nos assusta", ressaltou Lukashevich.

    Na terça-feira (24), a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou uma resolução com recomendações ao presidente Barack Obama de sancionar o envio de armamentos letais à Kiev. 

    No ano passado, o governo ucraniano iniciou uma ofensiva militar contra as autoproclamadas Repúblicas Populares de Donetsk e Lugansk, no leste do país, que não aceitaram a legitimidade do gabinete que subiu ao poder em Kiev após um golpe de Estado em fevereiro. Recentemente, as partes em conflito se comprometeram com um cessar-fogo e com a retirada das armas pesadas da linha de contato, conforme estipulado pelos acordos de Minsk, assinados em fevereiro deste ano. 


    Tema:
    Ucrânia em foco da política internacional (289)

    Mais:

    RPD: EUA já estão fornecendo armas letais a Kiev
    Líder da RPL: “Obama tem a chance de não acatar a recomendação provocadora do Congresso”
    Congresso dos EUA aprova recomendação sobre envio de armamentos para Ucrânia
    Tags:
    armas letais, Barack Obama, Aleksander Lukashevich, Ucrânia, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik