11:51 22 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Exercícios do Exército da Rússia no sul do país

    Até 5 mil recrutas da Crimeia servirão às Forças Armadas da Rússia em 2015

    © AFP 2017/ Sergey Venyavsky
    Mundo
    URL curta
    0 929211

    De 2 mil a 5 mil cidadãos da Crimeia serão convocados pelas Forças Armadas da Rússia até o final deste ano, segundo informou hoje o primeiro-ministro da república reintegrada há um ano à Federação Russa, Sergei Aksyonov.

    “Todos servirão independentemente da nacionalidade. E serão criadas condições iguais para todos”, ressaltou o premier da península, excluindo a possibilidade de tratamentos especiais em virtude da origem étnica de cada recruta.  

    O Conselho da Federação, câmara alta do parlamento russo, aprovou uma lei nesta quarta-feira sobre as regras gerais de dispensa para os cidadãos da Crimeia. O documento destaca, em particular, que aqueles que foram dispensados do serviço militar ucraniano por questões de saúde ou que serviram ao exército da Ucrânia não serão obrigados a prestar serviços às Forças Armadas da Rússia.

    Mais:

    Deputado: Rússia não precisa de permissão para instalar armas nucleares na Crimeia
    Primeiro aniversário da adesão da Crimeia à Rússia
    Reunificação da Crimeia com a Rússia festejada por 110 mil pessoas em Moscou
    Tags:
    serviço militar, Forças Armadas da Rússia, Sergei Aksyonov, Ucrânia, Rússia, Crimeia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik