07:19 28 Abril 2017
Ouvir Rádio
    Homens-bomba matam 56 curdos festejando o Noruz

    Atentado a bomba mata 56 curdos festejando o Noruz

    Screenshot/Twitter
    Mundo
    URL curta
    0 26826

    Um homem-bomba matou 56 curdos em um atentado durante um festival no norte da Síria, onde se comemorava o Noruz, o Ano Novo do calendário persa.

    O ataque deixou mais de cem feridos, segundo a agência Kurdish News.

    O diretor do Observatório da Síria para Direitos Humanos, Rami Abdel Rahman, afirmou que terroristas kamikazes detonaram explosivos na vila de Hasakeh.

    De acordo com a agência síria ARA News, as duas explosões aconteceram em menos de dois minutos na Praça dos Mártires, a cerca de 50 metros de distância uma da outra.

    Há meses, combatentes curdos vêm lutando contra o autoproclamado Estado Islâmico em confrontos que já causaram centenas de mortes. O EI, por sua vez, ameaçou os curdos antes do Noruz, alegando que tratava-se de um feriado pagão.

    A província de Hassakeh é de maioria curda, mas o Estado Islâmico controla parte da região que faz fronteira com a Turquia e o Iraque.

    É o segundo grande ataque executado pelo Estado Islâmico nesta sexta-feira. Em Sanaa, capital do Iêmen, cinco homens-bomba atacaram duas mesquitas, deixando 135 mortos e 345 feridos.

    Mais:

    Homens-bomba se explodem em duas mesquitas no Iêmen, matando 77 pessoas
    Série de explosões de carros-bomba na Líbia provoca a morte de 30 pessoas
    Cidade nigeriana de Maiduguri sofre novos ataques a bomba
    Tags:
    homem-bomba, atentado, mortes, terrorismo, Noruz, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik