09:05 18 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Poço de petróleo nas proximidades da cidade de Denver, nos EUA

    Petrolífera Nexen anuncia demissões em massa

    © REUTERS/ Rick Wilking
    Mundo
    URL curta
    0 51

    A Nexen Energy, petrolífera canadense controlada pela estatal chinesa CNOOC, anunciou nesta terça-feira que precisará demitir 400 funcionários na América do Norte e na Europa, para lidar com os prejuízos causados pelo baixo preço do petróleo.

    Através de um comunicado oficial, a empresa informou que a maioria das demissões se concentrará no Canadá e nos Estados Unidos, com apenas algumas dezenas na Grã-Bretanha. De acordo com o diretor executivo da Nexen, Fang Zhi, o corte de 13% na força de trabalho é uma resposta à crise que afeta todas as companhias do ramo energético, que obriga sua empresa a reduzir consideravelmente os gastos. 

    A Nexen foi adquirida pela CNOOC em 2012 pela quantia de 15 bilhões de dólares, em uma das últimas transações autorizadas por Ottawa para a compra de uma empresa canadense do setor de energia por uma estatal estrangeira. 

    Segundo dados do governo do Canadá, cerca de 20 mil postos de trabalho já foram fechados no país desde setembro em razão da atual crise no mercado petrolífero. 

     

    Tags:
    Nexen, CNOOC, Fang Zhi, Ottawa, Reino Unido, EUA, China, Canadá
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik