13:37 21 Julho 2017
Ouvir Rádio
    Combóio de ajuda humanitária

    Mais um comboio de ajuda humanitária partiu para Donetsk

    © Sputnik/ Maksim Blinov
    Mundo
    URL curta
    0 15562

    O combóio leva ajuda para as famílias dos mineiros mortos e feridos após uma explosão em uma mina no território controlado pela República Popular de Donetsk (RPD).

    O Ministério de Emergências da Rússia enviou mais um comboio com ajuda humanitária para Donetsk, destinado às famílias dos mineiros mortos e feridos na explosão na mina de Zasyadko, bem como para a população da cidade. A informação foi divulgada pelo Ministério de Emergências. 

    Na manhã do dia 4 de março, aconteceu uma forte explosão de gás na mina de carvão de Zasyadko, localizada no território da autoproclamada República Popular de Donetsk (RPD). Segundo dados do Ministério para Situações de Emergência da RPD, no momento da tragédia 230 mineiros estavam debaixo da terra. Segundo os últimos dados, mais de 30 pessoas morreram.

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, manifestou condolências aos familiares e amigos dos mortos e feridos e encarregou o Ministério de Emergências de ajudar as famílias das vítimas do acidente.  

    “Às 4h da manhã no horário de Moscou (22h de Brasília), o comboio do ministério de Emergências partiu do centro Donskoy e agora segue para a fronteira”, disse uma fonte no órgão à agência Sputnik. São mais de 20 caminhões que levam mais de 200 toneladas de ajuda humanitária, em sua maioria, alimentos e medicamentos.  

    “É um comboio de emergência, formado por determinação do presidente da Federação da Rússia para ajudar as famílias dos mineiros mortos e feridos”, informou o ministério. A coluna foi formada em 24 horas e muitas provisões vieram por via aérea de diversas partes do país.

    Tags:
    ajuda humanitária, Vladimir Putin, RPD, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik