01:22 23 Março 2017
Ouvir Rádio
    Grafiti patriótico relacionado à reintegração da Crimeia à Rússia

    Vice-chanceler: incorporação da Crimeia à Rússia evitou violação de direitos humanos

    © Sputnik/ Artem Zhitenev
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    0 517100

    O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Gennady Gatilov, afirmou nesta quinta-feira, 5, que a incorporação da Crimeia à Federação Russa salvou os moradores da península de sofrer violações de direitos humanos.

    Segundo ele, se tentássemos imaginar o que teria acontecido com a Crimeia se a região não se alinhasse voluntariamente à Rússia, o cenário seria terrível, incluindo do ponto de vista dos direitos humanos. 

    O vice-chanceler destacou que no momento atual da Ucrânia "com o arquivamento ou com a conivência das autoridades de Kiev as graves violações dos direitos humanos continuam acontecendo, e a Rússia tem repetidamente chamado a atenção para isso no Conselho de Direitos Humanos e do Conselho de Segurança das Nações Unidas". 

    Ao mesmo tempo, a Rússia desde o início pediu às partes em conflito para pôr fim à violência e sentar-se à mesa de negociações. 

    Ainda de acordo com Gatilov, “alguns países ocidentais, incluindo aqueles que apresentaram acusações contra a Rússia no Conselho de Direitos Humanos, apoiaram aberta e secretamente o uso da força em Kiev”.  O diplomata acrescentou que estes países não lembram ou não querem lembrar as conseqüências desastrosas para os direitos humanos por conta desse apoio. 

    Tema:
    Ucrânia em foco da política internacional (289)

    Mais:

    Moscou: exercícios militares dos EUA na Ucrânia ameaçam segurança da Rússia
    Kiev começa segunda etapa de retirada de armamentos pesados no leste da Ucrânia
    Putin: reformas econômicas da Ucrânia são uma "humilhação" para o povo
    Tags:
    direitos humanos, Conselho de Segurança da ONU, ONU, Crimeia, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik