19:45 26 Março 2017
Ouvir Rádio
    Ambulância em frente a uma mina de carvão em Donetsk após uma explosão em 4 de março de 2015

    Explosão em mina da Ucrânia deixa um morto e dezenas de trabalhadores presos

    © AFP 2017/ JOHN MACDOUGALL
    Mundo
    URL curta
    0 104 0 0

    Uma explosão numa mina de carvão no leste da Ucrânia, na madrugada desta quarta-feira, matou um mineiro e deixou mais de 30 presos no local.

    A explosão aconteceu na mina de Zasyadko, em Donetsk, cidade sob controle dos separatistas. Autoridades locais disseram que a explosão não foi provocada por bombardeios. A morte de um mineiro foi confirmada, enquanto outros 198 trabalhadores foram retirados do local. O destino de outros 32 ainda é desconhecido.

    A explosão, provocada por uma mistura de gás e ar, aconteceu numa profundidade de mais de mil metros, quando 230 trabalhadores estavam na mina.

    "Por enquanto, posso apenas dizer que 32 pessoas estão debaixo da terra. Uma delas morreu", declarou Ivan Prikhodko, chefe administrativo do distrito de Kiev, onde está localizada a mina, informou a Agência de Notícias de Donetsk. "Até que as equipes de resgate cheguem a elas, falar sobre quantas pessoas estão mortas é falta de ética, para dizer o mínimo."

    Uma representante dos serviços de resgate na mina, Yuliana Bedilo, também disse que apenas uma morte havia sido confirmada.

    "Quinze pessoas foram enviadas para centros de tratamento em Donetsk", disseram autoridades locais, em comunicado. O médico chefe de uma clínica da cidade, Emil Fistal, disse que seis mineiros estavam em estado grave.

    Mineiros que chegaram para iniciar o turno da manhã, horas após o acidente, reclamaram do longo histórico de violações de segurança na mina de Zasyadko. Um deles, que forneceu apenas seu primeiro nome, Kostya, disse que dois de seus irmãos ficaram feridos em explosões anteriores ocorridas na mesma mina.

    "Trabalhamos como loucos por migalhas. Queremos que este lugar seja seguro. Queremos que nossas crianças possam trabalhar aqui", disse à Associated Press.

    Em novembro de 2007, 101 trabalhadores foram mortos num acidente na mina de Zasyadko, considerada particularmente perigosa pela alta concentração de metano. Outros 52 trabalhadores foram mortos no início de dezembro daquele ano, e mais cinco morreram em outro incidente no final daquele mesmo mês.

    fonte: Estadão Conteudo

    Mais:

    Ucrânia: fornecimento de gás russo a Donbass deve ser acordado
    EUA vão enviar este ano 300 militares para a Ucrânia
    Poroshenko oficializa pedido de introdução de forças de paz no Leste da Ucrânia
    Tags:
    mina, explosão, mortes, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik