15:36 25 Julho 2017
Ouvir Rádio
    Gennady Gatilov

    Kiev não pode implantar forças de paz em Donbass sem uma resolução ONU

    © Sputnik/ Aleksandr Natruskin
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    0 472111

    O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia Gennady Gatilov, ao comentar os planos de Kiev de implementar operações de forças de paz no Sudeste ucraniano, afirmou que qualquer ação referente ao envio de forças de paz necessita de uma resolução correspondente no Conselho de Segurança da ONU.

    Em 18 de fevereiro, o Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia aprovou um apelo às Nações Unidas e à União Europeia sobre a implantação de uma missão de paz e segurança na Ucrânia.

    Com isso, o presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, afirmou que a Rússia não poderia participar desta operação de paz. O chanceler ucraniano, Pavel Klimkin, disse, por sua vez, que se for tomada a decisão sobre o envio de uma missão de paz conjunta da União Europeia e da ONU, Kiev está pronta para defender o domínio do componente europeu da missão.

    Na última semana, o ministro das Relações Exteriores da República Tcheca, Lubomir Zaoralek, declarou que todas as negociações sobre o envio de missões de paz da ONU à Ucrânia são inúteis, pois a Rússia é membro permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas e, portanto, tem o poder de veto. Segundo ele, é impossível enviar legitimamente forças da ONU para qualquer parte do mundo sem o consentimento da Rússia.

    Tema:
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    Tags:
    União Europeia, ONU, Pyotr Poroshenko, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik