13:18 18 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Hoje atualizado
    URL curta
    0 250
    Nos siga no

    Bom dia! A Sputnik Brasil traz as notícias mais relevantes desta segunda-feira (30), na qual 18 capitais decidiram o segundo turno da eleição para prefeito, Biden nomeia equipe feminina para a comunicação da Casa Branca e China é o primeiro país a recuperar níveis de atividade industrial pré-coronacrise.

    Centro domina 2º turno das eleições municipais

    No domingo (29), 57 cidades brasileiras realizaram o segundo turno das eleições municipais de 2020. Em pleito dominado por partidos de centro, candidatos aliados ao bolsonarismo perderam eleições-chave e o PT não elegeu nenhum prefeito em capital pela primeira vez desde 1985. Com 29,47% de abstenção, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso, comemorou os 70% de eleitores que compareceram às urnas em meio à pandemia de COVID-19: "Cumprimento o povo brasileiro por um comparecimento maciço às urnas".

    • No Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM) foi eleito prefeito com 64,07% dos votos, contra 35,93% de Marcelo Crivella (Republicanos), que contou com o apoio do presidente Jair Bolsonaro. Apesar do alto índice de abstenções na capital fluminense, Paes garantiu vitória folgada e vai governar a cidade do Rio de Janeiro pela terceira vez.
    • No Recife, o filho do ex-governador Eduardo Campos, João Campos (PSB), derrotou sua prima, Marília Arraes (PT) e, aos 27 anos, será o prefeito mais jovem da história da capital pernambucana. Campos obteve 56,27% dos votos contra 43,73% de Arraes.
    • Em São Paulo, Bruno Covas (PSDB) foi eleito com 59,38% dos votos, contra 40,62% de seu adversário, Guilherme Boulos (PSOL). A vitória consolida o domínio do PSDB na cidade e no estado de São Paulo. Neto do ex-governador Mário Covas, Bruno associou sua vitória à "moderação" e à "ciência". Apesar de derrotado na capital paulista, o PSOL elegeu Edmilson Rodrigues em Belém do Pará.
    Bruno Covas celebra sua reeleição para o cargo de prefeito de São Paulo, 29 de novembro de 2020
    © REUTERS / Amanda Perobelli
    Bruno Covas celebra sua reeleição para o cargo de prefeito de São Paulo, 29 de novembro de 2020

    Biden nomeia 1ª equipe exclusivamente feminina na Casa Branca

    No domingo (29), o presidente eleito dos EUA, Joe Biden, anunciou a primeira equipe exclusivamente feminina na Casa Branca. A equipe será encarregada da pasta de comunicação do governo federal dos EUA. Nesta segunda-feira (30), o gabinete democrata vai receber seu primeiro relatório de inteligência norte-americano, o que consolida o processo de transição de poder de Trump para Biden. O atual presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou ao canal Fox News, em sua primeira entrevista concedida após o processo eleitoral, que "as eleições foram fraudadas" e que dificilmente reconhecerá sua derrota.

    Presidente dos EUA, Donald Trump, durante evento realizado por videoconferência na Casa Branca, Washington, EUA, 26 de novembro de 2020
    © REUTERS / Erin Scott
    Presidente dos EUA, Donald Trump, durante evento realizado por videoconferência na Casa Branca, Washington, EUA, 26 de novembro de 2020

    Policiais são acusados de espancar homem negro em Paris

    Nesta segunda-feira (30), quatro policiais foram acusados de espancar um produtor musical negro em Paris, informou a agência AFP. Policial filmado jogando bomba de gás lacrimogênio dentro do estúdio do produtor musical Michel Zecler foi acusado de "violência deliberada" perpetrada por autoridade pública. Vídeo revelou momento em que policiais espancam Zecler, enquanto o produtor musical tentava entrar em seu estúdio, no início de novembro. Dois policiais serão mantidos presos enquanto os outros dois obtiveram liberdade condicional. As acusações foram realizadas em meio a uma onda de protestos contra lei que proíbe a publicação de imagens que possam identificar policiais em serviço na França.

    Tropa de choque atua durante protestos contra nova lei francesa que impede a publicação de imagens do rosto de policiais em serviço, em Nantes, 27 de novembro de 2020
    © REUTERS / Stephane Mahe
    Tropa de choque atua durante protestos contra nova lei francesa que impede a publicação de imagens do rosto de policiais em serviço, em Nantes, 27 de novembro de 2020

    Teerã debate resposta a assassinato de cientista nuclear

    Nesta segunda-feira (30), autoridades iranianas devem comparecer ao funeral de cientista nuclear de alto escalão, assassinado em atentado alegadamente perpetrado por Israel. No domingo (29), o Parlamento iraniano aprovou lei que intensifica as atividades nucleares do país, em resposta ao assassinato do cientista. Mohsen Fakhrizadeh, físico nuclear que chefiava o centro de inovações do Ministério da Defesa do Irã foi baleado na cidade de Absard, na zona metropolitana de Teerã, na sexta-feira (27). De acordo com o porta-voz do Parlamento iraniano, Abolfazl Amouei, o órgão debate demais medidas para reagir ao incidente.

    Funcionários da mesquita de Imam Reza carregam o caixão do físico nuclear iraniano Mohsen Fakhrizadeh, em Mashhad, Irã, 29 de novembro de 2020
    © REUTERS / Agência WANA
    Funcionários da mesquita de Imam Reza carregam o caixão do físico nuclear iraniano Mohsen Fakhrizadeh, em Mashhad, Irã, 29 de novembro de 2020

    Atividade industrial de China e Japão registram alta

    Nesta segunda-feira (30), a atividade industrial da China registrou maior alta em três anos no mês de novembro, consolidando a recuperação econômica do país asiático. Os resultados indicam que a China é o primeiro país a atingir os níveis de atividade econômica pré-pandemia de COVID-19, reportou a agência Reuters. A economia chinesa deve crescer cerca de 2% neste ano, número inferior à média registrada pelo país, mas bastante superior aos das demais economias industrializadas. A atividade industrial japonesa também apresentou alta pelo quinto mês consecutivo em outubro, assim como as vendas do varejo.

    Mais:

    Rússia utilizará diferentes locais para produzir suas vacinas contra a COVID-19
    Morte de cientista iraniano foi 'ponto alto' de plano israelense de longo prazo, diz mídia de Israel
    Brasil demonstra interesse em míssil indo-russo BrahMos-NG, segundo mídia
    Tags:
    Japão, economia, China, pandemia, COVID-19, EUA, prefeito, eleições, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar