04:43 25 Junho 2021
Ouvir Rádio
    • Esquema da sonda espacial Venera 7 destinada para investigação de Vênus
    • Especialistas do Centro de Comunicações Espaciais de Longa Distância durante o controle de voo da sonda Venera 7
    • Reprodução de foto da sonda espacial Venera 7 no departamento de montagem e testes da estrutura
    • Esquema de aterrissagem do módulo de pouso da sonda Venera 7
    • Ilustração do pouso da sonda espacial Venera 7
    • Esquema da sonda espacial Venera 7 destinada à investigação de Vênus
    • Centro de Comunicações Espaciais de Longa Distância, posto de controle de voo da Venera 7
    • Antenas no Centro de Comunicações Espaciais de Longa Distância captam sinais da sonda Venera 7
    • Módulo de pouso da sonda automática Venera 7
    • Sonda espacial Venera 7
    • Trajetória de voo e realização de sessões de comunicação com a sonda espacial Venera 7
    • Sonda espacial Venera 7
    © Sputnik
    Esquema da sonda espacial Venera 7 destinada para investigação de Vênus.

    Em 1970, no dia 15 de dezembro, a sonda espacial da União Soviética Venera 7 chegou a Vênus, realizando o primeiro pouso suave no planeta na história humana.

    A sonda Venera 7 foi lançada em 17 de agosto de 1970. Realizando o pouso na superfície de Vênus após 120 dias de voo, o aparelho enviou dados à Terra por 23 minutos, até a elevada pressão do planeta o destruir.

    O objetivo principal do lançamento era a investigação da atmosfera de Vênus e uma tentativa de pouso controlado na superfície no planeta.

    Pela primeira vez, a informação científica foi transmitida diretamente da superfície de outro planeta, sendo um sucesso total. Assim, se iniciaram os experimentos científicos em Vênus.

    Mais:

    NASA compartilha IMAGEM mostrando como seriam erupções vulcânicas em Vênus
    Atmosfera da Terra pode ter sido tão tóxica como a de Vênus, revela estudo
    Rússia está desenvolvendo rebocador espacial nuclear para voos à Lua, Júpiter e Vênus
    Tags:
    sonda espacial, União Soviética, Vênus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais fotos