12:18 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    • Carrinho de compras lotado é empurrado por consumidor na cidade de Pullach, na Alemanha
    © REUTERS / Alec Jacobson
    Consumidor com carrinho cheio de produtos faz compras em meio ao temor de rápida propagação do coronavírus, no Canadá

    Veja seleção de fotos de consumidores que estocam produtos de supermercados de países afetados pela COVID-19. A prática, chamada de "compra do pânico", não é recomendada por especialistas.

    Países de todo o mundo estão enfrentando a "crise de saúde mais grave dos últimos 50 anos", conforme declarou nesta quinta-feira (19) o governo da Rússia.

    Além dos diversos desafios que as sociedades enfrentam com o fornecimento de equipamento de saúde e com a garantia de que as pessoas permaneçam em casa, as chamadas "compras do pânico" podem agravar o quadro.

    Consumidores atemorizados passaram a estocar alimentos em alguns países, o que pode provocar a escassez de alimentos e produtos de higiene ou aumento desmesurado nos preços no curto prazo.

    A Associação Brasileira de Supermercados (Abras) emitiu nota no início da semana, informando que "não há risco de falta de alimentos", afirmando que a "população não precisa se preocupar. Os supermercados estão preparados".

    Mais:

    Espanha e Brasil: 2 enfoques diferentes diante do coronavírus
    Brasil precisa criar 'colchão social' para proteger trabalhadores do coronavírus, diz sociólogo
    Cientistas russos afirmam ter decifrado genoma do novo coronavírus
    Tags:
    Canadá, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais fotos