21:11 17 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Fotos

    Morte em versão compacta: estas são as balas mais perigosas do mundo

    URL curta
    3195
    • Fuzil de precisão de grande calibre
    • Atores reconstruindo na Bielorrússia acontecimentos da Primeira Guerra Mundial
    • Projétil de ponta côncava utilizado .40 S&W (JHP) com um cartucho do mesmo calibre em fundo
    • Bala de calibre .458 após ser disparada contra um búfalo africano
    • Balas R.I.P. (Radically Invasive Projectile, em inglês, Projétil Radicalmente Invasivo)
    • Balas R.I.P
    • Cartuchos de calibre 5,45×39 milímetros
    • Cartuchos 5.56×45mm NATO
    © Sputnik/ Evgeny Biyatov
    Cartucho antipessoal com bala explosiva é uma das munições mais perigosas. Princípio de funcionamento: o explosivo soldado na bala se detona quando colide com um objeto. O uso do cartucho durante operações militares é proibido pela Convenção de Haia por razões humanitárias.
    Foto: fuzil de precisão de grande calibre.

    Desde a criação das armas de fogo, foram desenvolvidas centenas de tipos de munições mortíferas. Algumas delas produzem efeitos tão cruéis que foram proibidas logo pela primeira Convenção de Haia.

    A Sputnik conta sobre alguns cartuchos de armas de fogo cujas balas causam ferimentos quase sempre mortais.

    Mais:

    Presente militar generoso da Rússia à Sérvia
    Veja os mísseis antiaéreos russos em ação (VÍDEO)
    Tags:
    fuzis, ferimento, balas, armas de fogo, perigo, morte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Mais fotos