00:59 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    • Irmãos Grael levam a tocha de Niterói ao Rio pela Baía de Guanabara
    • Eduardo Paes em cerimônia na Escola Naval pela chegada do fogo olímpico à cidade do Rio de Janeiro
    • Prefeito Eduardo Paes ergue a tocha olímpica em frente à Escola Naval do Rio
    • Cercado de seguranças, o carismático gari Renato Sorriso acende o primeiro dos cinco marcos olímpicos da cidade do Rio
    • Gari e passista Renato Sorriso mostra sua ginga com a chama olímpica no Rio
    • Lenda do samba carioca, Nelson Sargento emocionou ao conduzir a chama olímpica no Centro do Rio
    • Fogo olímpico é carregado por Orlando Duque, garçom da tradicional Confeitaria Colombo desde 1952
    J.P.Engelbrecht/ Prefeitura do Rio/FotosPúblicas
    Irmãos Grael levam a tocha de Niterói ao Rio pela Baía de Guanabara

    Mar, samba e sorriso: a chegada da tocha olímpica ao Rio de Janeiro foi marcada por personagens carismáticos da cidade, como o sempre alegre gari-passista Renato Sorriso, o carismático garçom Orlando Duque, verdadeira relíquia da tradicional Confeitaria Colombo, e a lenda do samba carioca Nelson Sargento.

    A chama olímpica chegou hoje à cidade-sede das Olimpíadas 2016, depois de três meses viajando pelo Brasil. O fogo atravessou a Baía de Guanabara de barco, com o atleta olímpico Lars Grael, e foi entregue ao prefeito Eduardo Paes em cerimônia na Escola Naval. 

    Mais:

    Tocha Olímpica atravessa Baía de Guanabara com Lars Grael e chega às mãos de Paes no Rio
    Tags:
    fogo olímpico, chama olímpica, Tocha Olímpica, Olimpíadas, Jogos Olímpicos, Rio 2016, Orlando Duque, Nelson Sargento, Renato Sorriso, Lars Grael, Eduardo Paes, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais fotos