04:28 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    • Donetsk está em ruínas após bombardeio noturno
    • Donetsk está em ruínas após bombardeio noturno
    • Donetsk está em ruínas após bombardeio noturno
    • Donetsk está em ruínas após bombardeio noturno
    • Vice-chefe das tropas de autodefesa da RPD, Eduard Basurin, inspeciona edifício bombardeado em Donetsk
    © Sputnik / John Trust
    Uma habitante em prédio destruído na cidade de Donetsk após o bombardeio das Forças Armadas da Ucrânia.

    Na noite passada as zonas residenciais de Donetsk foram atingidas por 60 projéteis de artilharia de calibre 122 milímetros, disse o vice-chefe da autoproclamada República Popular de Donetsk, Eduard Basurin.

    Ele classificou o bombardeio de "provocação", cujo objetivo foi minar a nova ronda de negociações sobre a solução da crise na Ucrânia, que deve acontecer nesta terça-feira (19) em Minsk.

    Como resultado, um civil foi morto. De acordo com o Ministério da Defesa da Ucrânia, uma mulher ficou ferida e agora  permanece em estado satisfatório.

    Desde 9 de janeiro, a intensidade dos bombardeios na região aumentou, bem como o número de vítimas do conflito.

    O novo acordo de paz, firmado em Minsk entre os líderes da Rússia, da Ucrânia, da França e da Alemanha inclui um cessar-fogo global no leste da Ucrânia, assim como uma reforma constitucional com a entrada em vigor até o final do ano de 2015 de uma nova Constituição, com a descentralização como elemento-chave (tendo em conta as particularidades das regiões de Donetsk e Lugansk, acordadas com os representantes destas áreas), e também a aceitação de uma legislação sobre o estatuto de Donetsk e Lugansk.

    Tema:
    Ucrânia: campo de batalha (285)
    Tags:
    vítimas, bombardeio, Donetsk, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais fotos