06:11 16 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    6190
    Nos siga no

    Na Estônia, seis soldados britânicos foram expulsos de um trem a cerca de 32 quilômetros da fronteira com a Rússia. O motivo – estavam bêbados e criando desordem no veículo.

    Os militares foram pegos pela polícia local em Jogeva, perto da fronteira com a Federação da Rússia, depois que vários passageiros no trem se queixaram sobre seu alegado comportamento turbulento, informa o Mirror.

    O tabloide conta que os policiais foram chamados a intervir após os trabalhadores ferroviários terem tentado, por várias vezes, pedir aos soldados em causa que parassem de intimidar os passageiros ao serem barulhentos e, segundo as queixas, agressivos.

    As testemunhas do sucedido disseram que eles pareciam estar bêbados e, após serem despejados do trem, os soldados foram encaminhados para a polícia militar da OTAN e enfrentarão ações disciplinares.

    Centenas de soldados britânicos se encontram estacionados na Estônia como parte de um agrupamento de combate da OTAN – a maioria do 1º Batalhão do Regimento Merciano.

    Um porta-voz do Ministério da Defesa já afirmou, citado pela mídia britânica, que "uma investigação está em andamento".

    Contudo, esta não é a primeira vez que membros das forças britânicas criam confusão no país. No mês passado, tropas do Reino Unido foram enviadas para a Estônia para ajudar as forças locais a contrariar uma alegada ameaça russa em suas fronteiras, mas acabaram se envolvendo em uma luta com locais por causa de uma mulher.

    Mais:

    Rússia expulsa diplomatas da Lituânia, Letônia, Estônia e Eslováquia em medida de retaliação
    Secretário-geral da OTAN diz não ver China 'como um adversário'
    Mais de 700 militares dos EUA desembarcam na Estônia no âmbito de maior exercício em 25 anos (VÍDEO)
    Tags:
    OTAN, Reino Unido, soldados, fronteira, Rússia, Estônia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar