07:52 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    COVID-19 no mundo em meados de maio (35)
    0 10
    Nos siga no

    O chefe da Associação Europeia de Turismo, Tom Jenkins, em uma entrevista à Sputnik, afirmou que o turismo na União Europeia não será capaz de se recuperar totalmente da crise antes de 2023.

    "Acho que o próximo ano será muito, muito interessante. Espero que o coronavírus e os medos em torno dele fiquem na memória. O que veremos é o despertar da indústria do turismo, as pessoas começarão a viajar em escala real", afirmou.

    Jenkins estimou que o turismo em 2022 será cerca de metade do que era no período pré-crise de 2019.

    Questionado se ele espera, em princípio, uma recuperação completa do setor de turismo da UE, ele afirmou que existe "uma suposição de que uma recuperação total ainda ocorrerá".

    Pessoas usando máscaras de proteção em Paris, França, 25 de fevereiro de 2021
    © REUTERS / STRINGER
    Pessoas usando máscaras de proteção em Paris, França, 25 de fevereiro de 2021

    "No entanto, não acho que a indústria se recuperará até 2023", disse Jenkins.

    O chefe da Associação Europeia de Turismo também observou que agora, quando a indústria do turismo está praticamente inativa, é muito difícil ver os danos causados ​​a ela.

    "Quando as pessoas voltarem a trabalhar, vamos ver o estado da indústria. Pode haver, por exemplo, dificuldades reais de capacidade de remuneração, de encontrar o pessoal necessário, porque as pessoas saíram e iniciaram carreira em outras áreas. Saber como está a situação, vamos entender isso no próximo ano", disse.

    Tema:
    COVID-19 no mundo em meados de maio (35)

    Mais:

    Rússia: '21,5 milhões de pessoas vacinadas contra COVID-19', diz Putin
    COVID-19: frequência da variante de Manaus cresce mais que 10 vezes em Portugal em 1 mês; entenda
    Epidemiologista alerta para 3ª onda de COVID-19 até junho após relaxamento de restrições no Brasil
    OMS diz que variante indiana da COVID-19 está presente em 44 países
    Tags:
    Europa, União Europeia, pandemia, turismo, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar