22:27 23 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    335
    Nos siga no

    Sadiq Khan foi reeleito prefeito de Londres neste sábado (8), confirmando as previsões e trazendo algum alento para o Partido Trabalhista, que obteve uma série de resultados decepcionantes em outros pleitos locais no Reino Unido.

    Khan, que se tornou o primeiro muçulmano a comandar uma grande capital do mundo ocidental após sua vitória em 2016, superou seu principal adversário, Shaun Bailey, do Partido Conservador, por 55,2% contra 44,8% dos votos.

    "Estou profundamente emocionado com a confiança que os londrinos depositaram em mim para continuar a liderar a maior cidade do mundo", afirmou o prefeito. "Prometo utilizar todas as minhas forças para ajudar a construir um futuro melhor e mais brilhante para Londres, após os dias sombrios da pandemia", acrescentou.

    Obrigado Londres. É a maior honra da minha vida servir a cidade que eu amo por mais três anos. Não deixarei pedra sobre pedra para colocar nossa cidade de pé novamente. Um futuro melhor é possível e vamos consegui-lo juntos.

    Na última quinta-feira (6), os cidadãos do Reino Unido votaram para a composição de 143 conselhos, 13 prefeituras, incluindo a de Londres, dois parlamentos regionais, 39 comissários de polícia e o novo representante para o Parlamento britânico do distrito eleitoral inglês de Hartlepool. As eleições estavam inicialmente programadas para 7 de maio de 2020, mas acabaram adiadas devido à pandemia do coronavírus.

    Apesar da vitória de Khan na capital, o Partido Trabalhista britânico tem se deparado com uma série de resultados ruins nas eleições locais em seus redutos tradicionais, no centro e no norte da Inglaterra, que sucederam a performance desastrosa no pleito nacional de 2019.

    Segundo a BBC, os números apurados até o momento indicam que os conservadores obtiveram ganhos significativos de conselhos em toda a Inglaterra, com mais 12 em sua contagem geral e 239 novos conselheiros.

    Os trabalhistas, por outro lado, tinham perdido sete conselhos e 301 conselheiros até o final deste sábado (8). Além disso, uma dessas autoridades, o Conselho do Condado de Durham, mudou de mãos após mais de um século sob o seu controle.

    Mais:

    Prefeito de Londres declara estado de emergência devido à pressão da COVID-19 sobre hospitais
    Terrorismo: Londres preocupada com recrutamento de adolescentes durante confinamentos
    Protesto contra lockdown em Londres termina em confronto e com 13 presos
    Tags:
    COVID-19, prefeitura, eleições, Sadiq Khan, Londres, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar