02:34 04 Março 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)
    160
    Nos siga no

    A Macedônia do Norte vai encomendar um lote de vacinas contra o novo coronavírus Sputnik V, da Rússia, anunciou o primeiro-ministro do país, Zoran Zaev.

    O premiê macedônio deu a declaração durante uma entrevista coletiva neste domingo (21). 

    "Fizemos pedidos e concluímos acordos sobre todas as vacinas existentes [contra a COVID-19]", disse Zaev.

    A vacinação contra o novo coronavírus na Macedônia do Norte começou depois que o presidente sérvio Aleksandr Vucic entregou um lote de vacinas da Pfizer/BioNTech para a Macedônia do Norte no início deste mês. O primeiro lote incluiu cerca de metade das oito mil doses que Belgrado deve doar ao país.

    Caixa com vacinas Sputnik V contra a COVID-19 em aeroporto internacional de Moscou, Rússia, 2 de dezembro de 2020
    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Caixa com vacinas Sputnik V contra a COVID-19 em aeroporto internacional de Moscou, Rússia, 2 de dezembro de 2020

    A Macedônia do Norte também assinou um acordo com a chinesa Sinopharm para a entrega de 200 mil doses de vacinas neste mês. Em março deste ano, o país espera receber até 170 mil doses da vacina da AstraZeneca/Oxford, por meio da iniciativa COVAX, um consórcio liderado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para ampliar o acesso global às vacinas contra a COVID-19.

    Segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, a Macedônia do Norte tem um total de 99.285 casos confirmados de COVID-19 e 3.063 mortes causadas pela doença.

    Tema:
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)

    Mais:

    Vacinação tem início na Venezuela com uso da Sputnik V: 'Dia Histórico', diz vice-presidente
    Primeiras doses da Sputnik V no México irão para setores 'marginalizados'
    Governo brasileiro dispensa licitação para compra da Sputnik V e Covaxin
    Tags:
    OMS, Aleksandar Vucic, Pfizer, República da Macedônia do Norte, Sputnik V, COVID-19, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar