01:30 09 Março 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)
    0 10
    Nos siga no

    Neste sábado (20), a Itália comemorou pela primeira vez o Dia Nacional dos Trabalhadores Médicos e Voluntários para homenagear os profissionais de saúde que perderam suas vidas na luta contra a pandemia da COVID-19.

    Em novembro passado, o parlamento italiano decidiu marcar anualmente o dia 20 de fevereiro como um dia nacional para homenagear a memória de médicos, enfermeiros e outros membros de equipes de saúde que sacrificaram suas vidas na luta contra a COVID-19. A data escolhida pelo governo italiano marca um ano após o primeiro caso de COVID-19 nativo do país ter sido registrado.

    Neste sábado (20), o presidente italiano, Sergio Mattarella, enviou uma carta ao presidente da Federação Italiana de Associações Médicas (FNOMCeO), Filippo Anelli, na qual expressou "o profundo agradecimento do país a todos aqueles que, com profissionalismo e dedicação, foram e são da linha de frente", lutando contra a pandemia.

    Profissionais da saúde, atendem paciente infectado pela segunda onda do coronavirus (COVID-19) no Hospital San Filippo Neri, em Roma, na Itália.
    © Folhapress / Cecilia Fabiano
    Profissionais da saúde atendem paciente infectado pela segunda onda da COVID-19 no Hospital San Filippo Neri, em Roma, na Itália

    O Papa Francisco também se dirigiu aos profissionais de saúde, observando que esses trabalhadores percebem sua profissão como uma missão e muitas vezes agem como heróis, pondo em risco suas próprias vidas para salvar outras pessoas.

    O site do FNOMCeO, por sua vez, publicou uma lista de todos os médicos italianos que morreram devido à COVID-19. A primeira fatalidade informada ocorreu em 11 de março de 2020.

    Até o momento, segundo a organização, o número de médicos italianos mortos após serem infectados com o novo coronavírus é de 326 pessoas, excluindo outras equipes de saúde.

    Tema:
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)

    Mais:

    Ex-chefe do Banco Central Europeu, Mario Draghi, aceita ser novo primeiro-ministro da Itália
    Vulcão Etna entra em erupção na Itália e causa fechamento de aeroporto local (VÍDEO)
    Vacinação contra a COVID-19 na Itália não será obrigatória, diz premiê
    Tags:
    COVID-19, Itália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar