18:05 25 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)
    0 60
    Nos siga no

    A monarca de 94 anos se solidarizou com famílias de vítimas da COVID-19 e se disse orgulhosa pelos desafios superados pelo Reino Unido e por todo o mundo em 2020.

    Seguindo a tradição de Natal, a rainha Elizabeth II fez um pronunciamento para o Reino Unido nesta sexta-feira (25). Em seu discurso, a rainha falou repetidamente sobre ter esperança para o futuro, reconhecendo que milhões de britânicos não poderiam ter suas celebrações familiares habituais neste ano.

    "Surpreendentemente, um ano que, por necessidade, manteve as pessoas separadas nos aproximou de muitas maneiras", disse a rainha Elizabeth II.

    ​"No Reino Unido e em todo o mundo, as pessoas têm superado de maneira magnífica os desafios do ano, e eu estou muito orgulhosa e movida por esse espírito quieto e indomável."

    Em seu pronunciamento de 2020, a rainha reflete sobre atos de bondade durante este ano extraordinário.

    O Reino Unido luta para conter a disseminação de uma nova variante do novo coronavírus, com o número de novas infecções atingindo níveis recordes nesta semana, enquanto os números de internações hospitalares e mortes seguem aumentando.

    Grande parte do país foi colocada sob rígidas restrições de deslocamento social e, em Londres e arredores, as famílias não têm permissão para fazer visitas durante o Natal. Em outras áreas, as regras restringem o contato social a apenas um dia.

    "É claro que para muitos, esta época do ano será manchada por tristeza; alguns lamentando a perda de seus entes queridos, e outros perdendo amigos e familiares distanciados por segurança, quando tudo o que realmente querem no Natal é um simples abraço ou um aperto de mão. Se você está entre eles, não está sozinho. E deixe-me assegurar-lhe meus pensamentos e orações", disse a monarca de 94 anos.

    A própria rainha teve de evitar suas tradicionais comemorações de Natal e está passando a temporada de festas de fim de ano sem visitas, no Castelo de Windsor, com seu marido, o príncipe Philip, de 99 anos. Normalmente, a rainha se reúne com sua família na propriedade real de Sandringham, no leste da Inglaterra.

    Tema:
    Mundo enfrenta coronavírus no final de dezembro (111)

    Mais:

    Mídia: rainha Elizabeth II escolheu data de sua aposentadoria
    Mistério na realeza: Rainha Elizabeth convoca 'reunião emergencial incomum'
    Premiê britânico Boris Johnson nega ter mentido para Rainha Elizabeth II
    Itália anuncia lockdown para o período do Natal e Ano Novo
    Planeta duplo no céu: como foi a 1ª aproximação de Júpiter e Saturno na época de Natal após 800 anos
    Tags:
    COVID-19, pronunciamento, Natal, Réveillon, Reino Unido, Inglaterra, Elizabeth II
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar