06:25 23 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    111
    Nos siga no

    A Justiça do Reino Unido condenou nesta segunda-feira (21) dois homens de homícidio pela morte de 39 imigrantes vietnamitas que morreram sufocados em um caminhão frigorífico, em 2019.

    Os culpados são Gheorghe Nica, 43 anos, e Eamonn Harrison, 24 anos. Nica é acusado de ser um dos líderes de uma rede de tráfico de pessoas, já Harrison, vindo da Irlanda do Norte, havia transportado o reboque e o deixado em Zeebrugee no dia 22 de outubro. Ele disse que não sabia que havia 39 pessoas dentro do compartimento.

    O caso ocorreu em 23 de outubro de 2019 quando os cadáveres de 31 homens e oito mulheres, entre eles dois adolescentes de 15 anos, foram encontrados em um caminhão estacionado em Grays, zona industrial a leste de Londres.

    O primeiro-ministro, Boris Johnson, deixa flores em homenagem aos 39 imigrantes vietnamitas mortos dentro de um caminhão frigorífico no Reino Unido.
    © AP Photo / Stefan Rousseau
    O primeiro-ministro, Boris Johnson, deixa flores em homenagem aos 39 imigrantes vietnamitas mortos dentro de um caminhão frigorífico no Reino Unido.

    Os imigrantes faleceram de asfixia e calor em razão das altas temperaturas no compartimento de carga da carreta. As informações foram publicadas pela BBC.

    "Se você olhar o método, a maneira como eles transportavam seres humanos ... não transportaríamos animais dessa maneira", disse Daniel Stoten, agente da Polícia de Essex.

    Muitas das vítimas nasceram em áreas pobres do Vietnã e estavam tentando entrar no Reino Unido em busca de condições melhores de vida.

    No Vietnã, sete pessoas foram condenadas acusadas de tráfico de pessoas. Na França e na Bélgica, por onde os imigrantes passaram, 13 suspeitos foram acusados em cada um dos dois países por terem relação com o caso.

    Mais:

    Político francês ameaça Reino Unido com 'guerra das Malvinas'
    Mais de 20 países restringem voos para Reino Unido devido à nova cepa mais contagiosa da COVID-19
    Reino Unido define China como 'desafio crônico' e Rússia como 'ameaça aguda'
    Reino Unido fez lobby com Bolsonaro antes de ele ser eleito presidente, revela jornalista
    Tags:
    tráfico humano, condenação, condenado, imigrantes, mortes, Vietnã, caminhão, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar