05:39 17 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    61413
    Nos siga no

    A Guarda Costeira norueguesa elevou sua presença no mar do Norte e segue monitorando a situação, mantendo a prontidão em caso de escalada de tensão na região.

    A Marinha norueguesa confirmou ter elevado a presença de navios da sua Guarda Costeira no mar do Norte, antecipando-se ao Brexit.

    O governo norueguês anunciou que os barcos pesqueiros de superfície sem um acordo válido de pesca com a Noruega seriam banidos de suas águas territoriais.

    "Se não tem acordo a partir do dia 1º de janeiro, não vamos abrir a zona de pesca da Noruega para navios da UE [União Europeia] e Reino Unido [...] Tampouco, esperamos que os navios noruegueses obtenham acesso às suas zonas até que tenhamos acordos", afirmou o ministro de Pesca e Aquicultura da Noruega, Odd Emil Ingebrigtsen.

    Contudo, a Noruega e o Reino Unido podem finalizar um acordo conjunto de pesca no Ano Novo, segundo o jornal Nationen.

    Isto significa que a Guarda Costeira norueguesa está preparada principalmente para perseguir a frota pesqueira da UE nas zonas de pesca na Noruega.

    O comandante Oliver Berdal confirmou que a Guarda Costeira do país elevou a presença no mar do Norte e está monitorando a situação para garantir a prontidão, caso haja uma escalada.

    O navio britânico HMS Westminster se desloca pelo porto de Gibraltar
    © AP Photo / Laura Leon
    O navio britânico HMS Westminster se desloca pelo porto de Gibraltar

    "Nós estamos preparados para implantar mais navios no mar do Norte caso seja necessário [...]", declarou.

    O comandante também enfatizou que vê claramente as relações entre a Noruega e o Reino Unido e que o acesso negado às zonas econômicas norueguesas no final do ano é principalmente contra a frota pesqueira da UE.

    A Noruega coopera na pesca com a UE por mais de 40 anos, permitindo que seus pescadores pesquem nas águas europeias e vice-versa. As negociações com a UE e Reino Unido envolvendo um acordo pesqueiro para 2021 foi atrasado devido ao adiamento das negociações do Brexit.

    Mais:

    Argentina recebe carta com queixas do Reino Unido sobre sua política para Malvinas, dizem fontes
    Maior iceberg do mundo pode se chocar com território britânico perto da Antártica (FOTO)
    'Navios espiões' russos operam perto de base da Força Aérea do Reino Unido, relata mídia (FOTO)
    Tags:
    pescadores, pescador, pesca, mar do Norte, Reino Unido, Noruega, Guarda Costeira, guarda costeira
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar